Morar contemporâneo

Ícones de personalidade e estilo mostram como extrair o melhor de uma casa, um apartamento e um duplex.

Autoridades em viver bem, a designer Sabrina Olivetti, idealizadora do @meuapartamentinho, e a arquiteta e urbanista Adriana Nakamura, autora do projeto @acasadeconcreto, movimentam a engrenagem das redes sociais, com fotos inspiradoras do seu lar doce lar. Da construção à reforma, elas compartilharam o prazer de dar vida aos seus respectivos oásis e, hoje, dividem a forma como organizam seus espaços e os tornam únicos.

“Eu tinha um monte de fotos de inspiração salvas no Pinterest, que dividi com a esquipe do escritório Une ARq + Design”, conta Sabrina. O passo seguinte consistiu em preencher um questionário com seu estilo de vida para validar que as etapas futuras correspondessem à expectativa. “Não sei definir muito bem o estilo da minha casa, mas acredito que ela ficou a minha cara, tanto no sentido de aproveitamento de espaço como no uso de materiais. A estética do meu apartamento é um misto de tudo que gosto e tudo que sou”. O que poucos sabem sobre a veia criativa da designer, é que ela não sossega se não colocar a mão na massa. “Desde criança gosto de criar, inventar e construir coisas e, com a oportunidade de reforma e decoração achei que era hora de colocar as ideias em prática. Gosto da mistura de materiais brutos com outros vintage e delicados”, aponta.

Adriana Nakamura e o marido  também amam estar em casa (foto acima) e adoram receber visitas. A casa, projetada no estilo arquitetônico brutalista, tem decoração que ressalta tampos de concreto aparente, stencil aplicado no concreto, além de destacar a parte elétrica e de iluminação com elementos industriais aparentes. “Cada pessoa se sente em casa de uma maneira diferente. Gostamos de decorar com móveis de design Bauhaus e misturamos nossas peças de coleção com móveis contemporâneos para criar uma vibe única. Para trazer aconchego à nossa casa de concreto lançamos mãos de tapetes macios, almofadas, faixas para o sofá, pelegos, cortinas, e alguns tecidos como veludo que deixam o ambiente confortável no ato”, revela. A Casa de Concreto promove ambientes integrados que sugerem a convivência.